Veja como se portar durante esse momento que pode ser um divisor de águas na sua vida.

Um momento que pode significar uma verdadeira guinada na carreira de qualquer pessoa é a famosa entrevista de emprego. E como a primeira impressão conta (e muito) em qualquer situação, numa ocasião dessas não seria diferente.

Vestido

Um erro comum é não se vestir de acordo com o local, seja ele mais descontraído ou mais formal. Por isso mesmo é interessante investir em modelos de roupa que sejam adequados para qualquer momento - o famoso meio-termo. E, para a mulherada, os vestidos também entram nesse conceito.

Saiba que além da roupa em si, muito da sua postura, da forma como você se comporta e fala poderá ser decisiva para conquistar a tão sonhada vaga.

Entrevista de emprego - como lidar?


Poucas são as pessoas que não ficam minimamente ansiosas quando estão prestes a encarar uma entrevista de emprego. A lógica é óbvia: o indivíduo vai tentar mostrar todas as suas qualidades e tudo aquilo que ele pode contribuir com a empresa em troca do trabalho. Simples assim ou, nem tanto.

O seu comportamento e sua comunicação verbal, visual e física fazem muita diferença para a percepção de um recrutador. Um movimento simples como balançar as pernas repetidamente ou puxar mechas de cabelo podem sinalizar o seu nervosismo e causar uma impressão indesejada sobre o seu comportamento.

Ao mesmo tempo, aspectos visuais como higiene - unhas cortadas e lixadas, cabelos limpos e arrumados - e vestuário - roupas na medida e no tom adequados, calçados limpos - também acabam dizendo um pouco mais sobre aquilo que você está transmitindo ao seu entrevistador.

É claro que também não adianta caprichar demais na produção se o seu currículo não corresponde com aquilo que a empresa procura. Nada de inserir que você tem inglês fluente caso não seja verdade. Mentir é algo que não se pode fazer em lugar algum, menos ainda durante um processo seletivo.

Outra dica é procurar saber o estilo da empresa com a qual você está concorrendo pela vaga. Ela é mais formal ou mais informal? Isso vai influenciar diretamente na forma como você deverá se vestir.

Tratando-se de vestidos, de modo geral, o comprimento ideal é o médio que fica pelo menos na altura do joelho ou um pouquinho acima. Mais curto que isso pode pegar mal. E independente da formalidade, jamais use modelos decotados e muito justos que podem transmitir uma mensagem negativa da sua candidatura.

Além disso, é adequado usar modelos que não chamem muito atenção - a neutralidade aqui é outro aspecto desejável. Prefira estampas mais discretas, menores e cores mais básicas, como azul, preto, branco, bege e tons pastéis.

A seguir, conheça os modelos de vestido mais adequados para ambientes mais formais e mais despojados.

Empresa formal


Se você pretende usar um vestido, o famoso pretinho básico pode cair super bem, desde que ele não seja nem muito justo, nem muito curto. Uma mistura interessante é acrescentar um blazer por cima, dando uma reforçada nesse ar mais elegante. Os modelos evasê também podem ser usados desta forma.

Vestidos mais retos, de modo geral, são mais bem vindos nesse tipo de ambiente, de preferência em tons mais sóbrios. Dê preferência a tecidos que conseguem unir conforto e sofisticação, sem deixar o corpo muito marcado.

Empresa informal


Já, caso o ambiente em que você esteja se candidatando seja mais informal, a variedade de modelos de vestido é bem maior. Mas a condição de tamanho médio e nada muito justo é mantida de qualquer jeito.

Um modelo com tecido mais leve e mais rodado, a exemplo de vestidos com estampa de poá ou de flores pequenas estão liberados - sem exageros! Vestidos longos também podem dar o ar da graça, mas cuidado com modelos de malha que costumam marcar demais o contorno do corpo.

No mais, acrescente um belo sorriso, uma maquiagem leve, uma boa dose de autoconfiança e boa sorte!