Manter sua lavadora limpa aumenta a vida útil do aparelho.

A limpeza regular de nossos eletrodomésticos é uma parte essencial de sua conservação. No caso da máquina de lavar, mantê-la limpa não somente promove um aumento de sua vida útil, mas também proporciona a conservação das peças de roupa que estão sendo lavadas.

Máquina de lavar

Para além da limpeza, é importante que seja promovido o uso correto por todos aqueles que utilizam o aparelho. O excesso de amaciante, por exemplo, pode ser bastante prejudicial para as borrachas da máquina. Assim, em caso de lavagens diárias, uma boa solução é dar preferência ao amaciante pulverizador.

É importante, ainda, que você entenda o funcionamento do seu aparelho. Ler o manual de instruções e aplicar suas orientações farão com que você economize tempo, dinheiro e trabalho.

Manutenção em dia


É bastante comum que um problema técnico na máquina de lavar faça com que ela acumule sujeira no tambor. Esse é um problema clássico, que ocorre com frequência quando alguma peça específica do aparelho não está funcionando bem.

Além, é claro, do problema técnico em si, essa questão afeta a lavagem, podendo não ser efetiva e mesmo sujando as peças com os resíduos acumulados. Por esse motivo, é essencial que a sua máquina de lavar esteja com a manutenção em dia para que ela e as roupas se mantenham sempre limpas.

O mais adequado é que se contrate um profissional qualificado para efetuar os procedimentos de limpeza e manutenção necessários.

Siga as especificações de uso


Como dissemos, entender o funcionamento de sua máquina é também um elemento-chave para que você possa mantê-la sempre limpa. Não devemos esquecer que sabão, alvejante, cloro e amaciante são produtos químicos e que, justamente por isso, não é recomendado que os use em excesso, além do indicado para o tipo de lavagem a ser realizada.

Mesmo os modelos de máquina mais antigos vêm com indicações de quanto produto se deve usar em cada situação. Em excesso, esses produtos não são completamente diluídos na água da lavagem e se acumulam em partes específicas da máquina. A médio prazo essa reação pode causar a corrosão de alguns materiais, o que deixará a parte interna da máquina bastante suja.

Além disso, o excesso desses produtos reage com as roupas e os resíduos dessa danificação dos tecidos também se converte em mais sujeira em seu aparelho.

Por fim, vale lembrar que é importante que o dispenser também esteja limpo. Resíduos dos produtos costumam ficar grudados neles a cada lavagem e é essencial que, ao iniciar um novo ciclo, ele esteja completamente limpo.

Respeite a quantidade máxima de roupas que a máquina comporta


Outro fator a ser respeitado é a capacidade máxima do seu aparelho em cada lavagem. Exceder essa quantidade certamente prejudicará o funcionamento da máquina e, consequentemente, não lavará as roupas da forma correta — isso também contribui para o acúmulo de sujeira no interior da máquina.

Da mesma maneira, fazer lavagens com duas ou três peças também colabora para o mau funcionamento e o acúmulo de resíduos. Isso porque o movimento da máquina produz a chamada força centrípeta para que a lavagem seja realizada.

Sem a quantidade adequada de roupas, essa força volta para a própria máquina, forçando o seu funcionamento em um sistema de ação e reação, o que estraga o aparelho ao longo de sucessivas pequenas lavagens.

Limpando você mesmo


Existe um procedimento básico de limpeza que você mesmo pode realizar. Idealmente, ele deve acontecer a cada dois meses. O primeiro passo é se certificar de que não exista nenhuma peça no interior do aparelho. Para que a limpeza seja efetiva, a máquina deve estar vazia.

O segundo passo consiste em colocar, diretamente no tambor da máquina, meio litro de alvejante. Em seguida, programe a lavagem mais longa e mais potente da máquina. O enxágue deve ser único. Em seguida, acione a máquina e deixe o procedimento acontecer por completo. Para a limpeza externa, use um pano úmido e sabão neutro, repetindo o processo semanalmente. Produtos abrasivos como água sanitária, limpa-vidros e álcool não são recomendados para essa limpeza exterior.