segunda graduação com bolsa

Depois da formatura, pode bater aquela dúvida: será que fiz a escolha certa? Nesses casos, cursar uma segunda graduação é uma opção para corrigir a rota. Além de ser uma chance para complementar os conhecimentos adquiridos no primeiro curso.

Mas quem já arcou com as despesas de uma faculdade antes pode ficar com receio de gastar novamente todo dinheiro investido. Sem falar que recém formados dificilmente tem condições de pagar por uma nova graduação.

Nesses casos, uma bolsa para faculdade pode ser a solução dos seus problemas, não é? Pois saiba que elas também existem nesse caso e podem te ajudar.

Continue lendo este artigo e entenda como fazer sua segunda graduação com bolsa de estudos!

Será que vale a pena fazer uma segunda graduação?


Antes de mais nada, vamos ajudar quem está na dúvida entre fazer ou não uma faculdade. Existem três motivos mais comuns que levam alguém a fazer um novo curso. A seguir, você vai ver quais são eles e por que apostar na segunda graduação nessas situações!

Insatisfação com a primeira área de formação


O primeiro motivo que leva muita gente de volta para a sala de aula é a insatisfação com o primeiro curso de graduação.

Nesses casos, vale fazer uma segunda graduação para dar um novo rumo à carreira. Afinal, muitas profissões são bem mais difíceis de atuar sem uma formação específica.

Além disso, a faculdade pode ser um importante espaço de socialização e networking, que ajudarão na hora de encontrar um emprego na nova área!

Mas antes de tomar qualquer decisão, vale pensar bem. Afinal, são mais alguns anos de estudo pela frente. Por isso, procure se perguntar o que te atrai no novo curso e pesquise bem sobre as possibilidades da nova carreira. 

Busca por novas oportunidades


Outra razão que faz muita gente procurar uma segunda graduação é a busca por novas oportunidades de trabalho.

Quer um exemplo? Quem se forma em graduações com atuações muito restritas pode querer voltar à faculdade para fazer outro curso e conseguir mais chances no mercado.

Da mesma forma, bacharéis podem querer fazer uma licenciatura para complementar os conhecimentos e poder dar aula.

Se esse for o seu caso, é importante pesquisar bastante sobre o mercado de trabalho no curso pretendido.

Com os novos desafios que a tecnologia tem imposto aos profissionais de hoje, muitas carreiras estão mudando. E podem se transformar muito até você se formar novamente. Então aposte em um bom planejamento de carreira antes de dar esse passo. 

Necessidade de ampliar conhecimentos


Por fim, mais um motivo para fazer uma segunda faculdade pode ser a necessidade de ampliar o que você aprendeu na primeira.

Nessas situações, a dúvida entre uma segunda graduação e uma pós podem aparecer. Então compare a grade curricular dos dois cursos.

Na nova graduação, você provavelmente vai aprender os conceitos do básico, o que pode ser bom caso sinta necessidade de estudar mais profundamente esses temas, desde o início.

Além disso, os conhecimentos adquiridos vão turbinar seu currículo e ajudar você a se destacar da concorrência!

Segunda graduação com bolsa


Com a nova resolução CNE/CES 01 de 06/04/2018, que torna opcional a entrega de TCC, fazer mais de uma pós, se tornou comum.

Seja para corrigir uma escolha errada, ter mais oportunidades de trabalho ou ampliar os seus conhecimentos, uma segunda graduação é sempre vantajoso.

Inclusive, esses ganhos ficam muito melhores se você estiver bolsa. Mas como consegui-la?

Retorno de graduado


Em primeiro lugar, é interessante pesquisar por instituições que possuam opções especiais de ingresso para quem já fez outra faculdade. Essa modalidade costuma ser chamada de “segunda graduação” ou então “retorno de graduado”.

Geralmente, o processo seletivo é simplificado para quem já fez tem ensino superior completo. Além disso, faculdades privadas costumam dar desconto caso o aluno já tenha se formado naquela universidade.

Inclusive, ainda que você não tenha se formado na mesma faculdade, dá para tentar uma bolsa.

Um bom exemplo é a Estácio, que oferece algumas condições especiais para quem já completou o Ensino Superior. Assim como possui a possibilidade de ingresso apenas com o Histórico Escolar da IES. Então acompanhe o portal das instituições e se informe sobre as oportunidades!

Posso fazer uma segunda graduação com bolsa do Prouni?


Outra dúvida comum entre quem considera fazer uma nova graduação é se dá para cursar uma nova faculdade com bolsa do Prouni.

Infelizmente a resposta é não. Pois o programa do governo foca em oferecer oportunidades àqueles que nunca conseguiram entrar na universidade. Por isso, ele exclui de cara aquelas pessoas já formadas.

No entanto, existe uma exceção: professores da rede pública de ensino que atuam na educação básica. Nesse caso, é possível solicitar o desconto pelo Prouni, que pode ser de 100% ou 50%.

Mas se você não se encaixa nesse grupo, não se preocupe! Siga nossas dicas e confira as condições especiais que as universidades oferecem para quem quer cursar uma segunda graduação.

Com certeza você acrescentar muito ao seu currículo e, com sorte, ainda pode validar algumas matérias do primeiro curso. O importante é continuar estudando sempre!