Objetos certos trazem praticidade e elevam a experiência de degustação. 

Quem gosta de vinhos sabe que cada detalhe faz a diferença, pois tudo importa: o tipo de uva ou a safra escolhida, a comida que vai harmonizar, o ambiente onde a bebida será conservada e, finalmente, os acessórios que vão ajudar a servi-la.

Vinhos

Para uma boa degustação, é preciso ter, pelo menos, uma taça em formato adequado, que enalteça as características do vinho, e um saca-rolhas para abrir a garrafa. No entanto, no mercado, há vários outros acessórios pensados para deixar a experiência ainda mais interessante.

Será que você precisa mesmo de todos eles? Quem os usa, garante que eles compensam. A seguir, fizemos uma lista com oito itens que, se você não tem, deveria considerar o investimento. 

Saca-rolhas


Este é o primeiro item da lista por ser o mais essencial. Se você gosta de vinhos, vale investir em um bom abridor, feito com material de qualidade e que não apresente riscos de quebrar facilmente ou danificar a rolha.

Se você gosta de experimentar as novidades que a tecnologia oferece, vale considerar a compra de um saca-rolhas elétrico. Basta posicionar o aparelho na boca da garrafa e apertar um botão para que ele faça o trabalho sozinho. É um acessório muito indicado para quem tem dificuldades em realizar essa operação. 

Corta-cápsula


Em formato de ferradura e com rodinha de aço, basicamente, esse objeto serve para ser encaixado no bico da garrafa e retirar o invólucro que o envolve. É claro que você pode fazer isso usando uma faca, mas, com o acessório certo, o corte é muito mais rápido e preciso. Além de prático, ele te deixa com ares de profissional. 

Decanter


O decanter é uma espécie de jarra, com base alargada e centro afunilado, na qual o vinho é colocado para arejar. Em contato com o oxigênio, a bebida decanta, o que aflora as características e ajuda a separar possíveis sedimentos que se desprendem dela.

Para usar o decanter, uma dica é deixar a garrafa em pé por um tempo antes de servir. Em seguida, abra o vinho e despeje-o no recipiente. O ideal é esperar, pelo menos, 30 minutos antes de servir, mas o tempo ideal varia de acordo com a qualidade da bebida. 

Aerador


Ele tem uma função semelhante ao acessório anterior, mas funciona como um bico, que pode ser colocado para servir direto da garrafa. Ele não é tão eficiente quanto o decanter, mas pode ser útil quando não se pretende beber todo o líquido. Além disso, ele acaba facilitando o processo de servir. 

Corta-gotas


Existe um acessório pensado, exclusivamente, para evitar desperdiçar qualquer gota dessa bebida tão preciosa. Inserido no bico da garrafa, o objeto ajuda a cortar os respingos. 

Salva-gotas


Dupla inseparável do acessório acima, o salva-gotas não tem a mesma função, mas complementa o trabalho do corta-gotas. Ele é um anel, que deve ser colocado na garrafa para impedir que a bebida escorra e danifique o rótulo ou manche a superfície na qual ela está apoiada. 

Termômetro


Cada vinho tem uma temperatura ideal para ser servido, ressaltando as principais características dele. Por isso, é uma boa ideia ter um termômetro que te ajude a medir, com exatidão, o valor certo.

Algumas opções precisam entrar em contato com a bebida para fazer a medição, mas pode ser uma boa ideia optar pelo formato circular, que mede a temperatura ainda na garrafa, facilitando o processo. 

Tampa para garrafas


Muitas rolhas dilatam quando são retiradas, por isso, não conseguimos reutilizá-las. Por isso, esse é um acessório indispensável para guardar a bebida ainda na garrafa, quando ela não for consumida de uma só vez. Ele funciona como a rolha, conservando bem as características do vinho por alguns dias.