Sabe o que é e como lançar um infoproduto? Essa estratégia digital está em constante evolução e pode ser uma ideia muito lucrativa para você!

como lançar um infoproduto

Numa era em que o mundo digital veio ainda mais à tona, você já deve ter ouvido falar sobre infoproduto – e que esta se tornou uma das estratégias de negócio mais lucrativas para usar durante o período de isolamento. Mas, afinal, o que é e como lançar um infoproduto?

É justamente sobre isso que vamos falar na matéria de hoje! Se você tem alma empreendedora e deseja monetizar alguma ideia (que, por enquanto, está só na sua cabeça), seja muito bem-vindo.

Para começar, é importante saber que o mercado online de compra e venda está bastante aquecido. Só para você ter uma ideia, em 2020 o Brasil foi listado como um dos 10 países mais “quentes” no comércio eletrônico, com um aumento de 22% nesse tipo de compra.

O legal é que não apenas os produtos, digamos, “físicos” podem ser vendidos e comprados pela internet – mas também os digitais. E é aqui que o infoproduto ganha espaço!

Continue a leitura e confira 5 dicas sobre como lançar um infoproduto.

Primeiro, o que são infoprodutos?


São produtos digitais, que você mesmo produz e depois comercializa online. Ainda está um pouco confuso? Certo, então vamos a alguns exemplos de infoproduto.

Provavelmente você já assistiu a um vídeo no YouTube, no qual o apresentador ensinava a fazer determinada coisa. Ou talvez você tenha baixado um PDF com um tutorial sobre algum assunto. Ou, quem sabe, tenha ouvido um podcast no Spotify ou no Soundcloud.

Muito bem: todos esses são infoprodutos – que podem, ou não, ter o acesso liberado mediante pagamento.

A grande sacada do infoproduto é que, atualmente, praticamente tudo pode ser ensinado pela internet – não importa o meio pelo qual você faz isso.

Então, se você estiver na pele do apresentador/professor do conteúdo, o que pode ser uma simples experiência para você talvez seja um desejo de consumo de alguma outra pessoa.

Ao transformar o seu conhecimento em um infoproduto, você consegue:

Reduzir custos


Você tem poucos gastos com produção e praticamente zero com logística – afinal, se o produto é digital, você não precisa enviá-lo pelos correios, muito menos ter custos com estoques.

Dar escalabilidade ao produto


Isso porque, uma vez que você produz o conteúdo, ele pode ser consumido por um grande número de pessoas (sem que você tenha que criar algo novamente).

Por exemplo: um curso online com 10 vídeos pode ser assistido (e comprado) por milhares de alunos. Interessante, não?

Enfim, são muitas vantagens, mas, para lançar um infoproduto e ter sucesso, é preciso que você tenha uma estrutura por trás. Vamos, então, às dicas!

5 dicas indispensáveis sobre como lançar um infoproduto


1. Identifique no que você é bom


O primeiro passo para entender como lançar um infoproduto de sucesso é definir o tema. Para isso, procure responder a essas perguntas:

  • Em que assunto você tem experiência suficiente para ensinar?
  • Você fez algum curso profissionalizante e consegue compartilhá-lo com outras pessoas?
  • Você tem um hobby que pode ser transformado em uma série de vídeos – ou em um ebook ou podcast?

Por mais que nem sempre uma paixão se torne um infoproduto, ela pode ser o ponto de partida para você descobrir o tema do seu negócio!

2. Defina o propósito do seu infoproduto


Um infoproduto existe, basicamente, para resolver uma “dor”. Ou seja, é uma forma de ajudar outras pessoas que:

  • estão passando por algum problema – por exemplo, com dificuldades de ganhar massa muscular;
  • ou que estão buscando mais informações sobre determinado assunto (como fórmulas de física para passar no vestibular).

Isso quer dizer que, ao definir o tema do seu infoproduto, ele deve vir acompanhado de um propósito. Você vai ensinar outras pessoas a ganharem massa muscular? Certo, mas defina o porquê. Quem sabe seja “porque massa muscular deixa o corpo mais saudável e contribui, consequentemente, para a felicidade da pessoa”?

Você vai levar dicas de fórmulas de física ao público? Que tal definir, então, que o propósito do seu infoproduto é “contribuir para a educação brasileira, simplificando o jeito como os futuros alunos passam no vestibular”?

Lembre-se: ter um propósito te guia, do início ao fim, e faz com que você ofereça uma proposta de valor para seus clientes.

3. Avalie o mercado


Como em todo negócio, no lançamento do seu infoproduto também é preciso fazer uma pesquisa sobre o mercado. Será que ele está saturado, com muitos concorrentes? As pessoas estão buscando pelo que você deseja oferecer?

Para pesquisar sobre os concorrentes, você pode usar o Google e as redes sociais – como Facebook e Instagram – e ver a estrutura que cada competidor oferece ao público.

Sobre o seu público-alvo, é importante entender os hábitos e a dor que as pessoas têm. Uma dica é usar um software que busque palavras-chave – como o UberSuggest, que é gratuito e permite que você filtre por temas.

Por exemplo, se você vai lançar um curso que ensina a fazer churrasco, pode pesquisar palavras (ou mesmo frases) relacionadas a isso. Assim você vê o volume de busca, que na prática significa o número de pessoas que estão procurando pelo assunto no Google.

Veja o resultado da busca “como fazer churrasco”:

Ou seja, podemos concluir que cerca de 2.900 buscas foram feitas na internet (no Brasil) sobre como fazer churrasco. Isso quer dizer que você teria um bom público a explorar!



4. Conte com uma estrutura


Cada formato de infoproduto demanda alguns materiais de apoio. Vamos considerar aqui que você definiu que seu infoproduto será no formato de cursos. Então é hora de começar a estruturar como será a gravação das aulas:

  • faça um roteiro do começo, meio e fim do curso;
  • invista nos equipamentos de gravação, desde câmera e microfone até a ambientação do cenário;
  • hospede seus vídeos em uma plataforma EAD.

Por falar nesse tipo de plataforma, é essencial que ela te ofereça boas funcionalidades de gestão do curso. Por exemplo:

  • um sistema de loja virtual, com carrinho de compras, onde você possa disponibilizar cada módulo/aula;
  • geração de cupons de desconto para ações promocionais;
  • suporte de aulas ao vivo, com chat integrado;
  • certificado de segurança para a LGPD;
  • e muito mais!

5. Divulgue seu infoproduto


Uma dica importantíssima sobre como lançar um infoproduto é que você não pode focar apenas na produção de algo incrível – mas também em como vender isso.

Investir em estratégias de marketing digital, portanto, é fundamental para que as pessoas saibam que você está disponibilizando cursos (ou o que quer que você resolva vender).

Uma ideia é fazer uma versão gratuita do seu material, como se fosse um teste, e depois oferecer o curso completo (e pago!).

Fora isso, outras opções de divulgação para seu infoproduto são:

  • promoções e concursos/sorteios;
  • postagens em blogs e redes sociais com uma copy poderosa;
  • investimento em Google Ads e anúncios pagos no Facebook, Instagram e YouTube.

E é isso! Este conteúdo ajudou você?


Esperamos que você tenha aprendido como lançar um infoproduto – e como essa pode ser uma excelente (e lucrativa) ideia para o seu negócio.

Quer assistir a um conteúdo bem completo, com mais dicas além das que demos aqui? Então confira este vídeo:



Muito obrigado pela leitura. Boas vendas!

Este artigo foi escrito pela equipe da EAD Plataforma, uma plataforma online de ensino a distância que te permite criar e vender cursos na internet. Simples, intuitiva e com preço acessível, a EAD Plataforma atua no mercado desde 2014 e já conta com mais de 1200 clientes.